Hair | Frizz

by - outubro 08, 2016

Olá Realezas,

Muitas meninas amam frizz no cabelo outras detestam, se você é do time que não gosta vem comigo que te mostro os fatores que fazem com que tenham frizz. Eu sou uma das adeptas porém...


Umidade: Tenho que dizer que a umidade ama cabelo ressecado, quanto mais ressecado estiver seu cabelo, mais a umidade irá danificá-lo.  A umidade nada mais é do que minúsculas gotículas de água na atmosfera, ou seja, é quando o ar está impregnado de vapor de água. Quando esta umidade entra em contato com a superfície ressecada do fio (as cutículas abertas) o resultado é o frizz.

Excesso de xampu: Lavar os cabelos  todos os dias ou passar xampu em excesso provoca o ressecamento dos fios. Se o cabelo crespo já tem tendência ao ressecamento, você pode imaginar o que a lavagem excessiva pode fazer. Por isso, modere na quantidade de xampu e lave os cabelos crespos no máximo duas vezes por semana. E sempre que lavar, hidratação profunda para recuperar a umidade dos fios.

Química: quem tem cabelo alisado, relaxado ou com tintura também tem grande probabilidade de ter frizz. Os tratamentos químicos abrem a cutícula capilar provocando o ressecamento e a quebra dos fios e, como conseqüência, o arrepiado.

Chapinha, secador e babyliss: o calor em excesso desgasta a cutícula, deixando os fios ressecados e desidratados.

Falta de um bom corte: quando seu cabelo está hidratado e mesmo assim os fios arrepiados insistem em aparecer, isto pode ser sinal de que chegou a hora de aparar os fios ou dar um bom corte.  Lembre-se: pontas duplas e ressecadas também provocam frizz.

Passar as mãos toda hora nos cabelos: muitas meninas tem o hábito de ficar torcendo, esticando e alisando os crespinhos. Se você quer evitar o frizz, e fios embaraçados, mantenha as mãos longe dos cabelos, especialmente depois que umedeceu e passou o leave-in. 

O frizz sob controle

Hidratação sempre: condicionadores e máscaras hidratantes ajudam a fechar as cutículas e ainda nutrem os fios. (A máscara intensiva da linha Natura Plant garante bons resultados).

A escolha certa do xampu: os melhores xampus para cabelos crespos naturais e os alisados ou relaxados são os produtos para cabelos quimicamente tratados. Um detalhe importante: use mais o xampu no couro cabeludo do que nos fios. E o condicionador aplique nas pontas, e não no couro cabeludo. (Gosto muito dos xampus da Avlon e da Pantene)

Evite toalha de algodão: o melhor é usar a toalha de microfibra ou papel toalha.

Use lenço de seda: as fronhas de algodão absorvem a oleosidade natural dos fios. Se você mora em uma região que faz muito calor, e acha que o lenço vai esquentar demais sua cabeça, coloque o lenço de seda sobre o travesseiro, por cima da fronha.   

Reduza o uso do secador ou chapinha: quanto tiver que usá-los, proteja o cabelo com produtos termoativados.

Silicone, serum e pomadas: elas ajudam a controlar o frizz, mas devem ser usadas com muita moderação. Lembre-se de que estes produtos não hidratam o cabelo, apenas criam uma camada que dá brilho e controla o arrepiado. O ideal é aplicá-los depois do leave-in. (Recentemente experimentei o Secret Weapon do John Frieda, dá para aplicá-lo no cabelo úmido ou seco).


Penteie os cabelos com delicadeza: cabelos crespos devem ser penteados e desembaraçados úmidos, nunca a seco. Assim você evita a quebra dos fios.

You May Also Like

6 comentários

Deixe seu comentário com dicas e sugestões, não esqueça de seguir
Venha fazer parte deste #TimedeRealezas que só cresce.

Compartilhar