A Blogueira


11 de fev de 2017

ProjetoRapunzelCrespa | Teste da Porosidade Capilar

Olá Realezas,

Estava conversando com minha amiga e ela me falou que precisava começar o cronograma capilar, só que ela me disse que não sabia por onde começar. Conversei, informando que era necessário fazer o teste da porosidade. 



A bichinha ficou doida pra saber sobre o que eu estava falando, então decidi compartilhar para que todas as pessoas façam este teste e saiba sobre o que o cabelo necessita mais.

Material:
Copo transparente
Água
Fio de cabelo

Como fazer: Pegue um copo transparente e coloque água, depois pegue um fio de cabelo limpo e coloque dentro do recipiente e espere por 7 minutos.

Após 7 minutos veja qual resultado apareceu:

Flutuou: Baixa porosidade 
Considerado um cabelo saudável, resistente à umidade, à penetração de produtos químicos e a remodelagens. Normalmente é um cabelo virgem.

O que fazer?
Hidratação - A hidratação (com auxílio da água morna) irá repor a água dos fios, deixando-as mais maleáveis e mantendo o cabelo sedoso e macio

Periodicidade: Semanal

Produtos: 
Silicones, aloe vera, (babosa), vegetais, pantenol, açúcares, vitaminas ou glicerina.

Ficou no meio: Média porosidade
Também considerado um cabelo saudável, porém aqui as cuticulas estão meio abertas, o que facilita a penetração de qualquer produto. Aquele cabelo que um dia ta bom, no outro nem tanto.

O que fazer?
Umectação - A nutrição é essencial para manter os cabelos sempre bonitos, sem frizz e definidos.

Periodicidade: A cada 15 dias.

Produtos: Tutano, manteigas (como karité, cacau, abacate, cupuaçu e muru muru) e óleos vegetais.

Afundou: Alta porosidade
Precisa de atenção especial! Os fios estão ressecados, sem brilho, fracos e elásticos e quebradiços. Normalmente aquele cabelo que é submetido à químicas e chapinhas diárias.

O que fazer?
Reconstrução - O cabelo precisa de proteína para voltar a ficar forte e bonito. No começo do tratamento é comum que não fique macio.

Periodicidade: Faça todo mês.

Produtos: Creatina, queratina, proteína, colágeno, aminoácidos, arginina, cisteína, trigo ou proteínas hidrolisadas.

Após realizar estes testes saberá do que o cabelo precisa e é só iniciar uma agenda de cuidados capilar.

Siga nosso blog e fique a par do nosso #ProjetoRapunzelCrespa.

10 de fev de 2017

Nails | Coleção Trend Étnica

Olá Realezas,

Como vocês sabem que a louca por esmalte aqui sempre trás uma de suas coleções pra mostrar para vocês e qual não foi minha surpresa quando meu excelentíssimo marido trouxe uma coleção completinha de esmaltes da coleção Trend Étnica da Realce.



Um cor mais linda que a outra e hoje trouxe para mostrar a vocês, estas cores nas unhas.
São 4 cores: TRIBAL, NAVAJO, ESTAMPARIA e ANIMAL PRINT cores vivas e que realçam cada detalhe e formato das unhas.

Acompanhe as imagens abaixo que com certeza irá se apaixonar por estas cores.







Sigam o nosso blog para ficar a par das novidades.



9 de fev de 2017

Como organizar banheiros pequenos

Olá Realezas,

As decorações de banheiros pequenos estão com tudo, entretanto olhamos para ele e queremos incluir coisas e mais coisas e nos deparamos com o maior obstaculo: A falta de espaço.

                                        

Mas para tudo se da um jeito, então bora para algumas inspirações de banheiros com pouco espaço, antes de querer colocar aramado em tudo fiquem atentas as seguintes especificações:

  • Verifique se o aramado com toalhas não esta perto do vaso sanitário pois pode ocorrer a contaminação por coliforme fecal;
  • Observe o local se é seco e seguro para armazenar o papel higiênico;
  • Cesto são ótimos para ser utilizados contando que permanece seco e arejado por dentro.



Após observar estas dicas, mãos a obra e bora arrumar seu banheirinho do jeito que desejar.

Siga nosso blog e fique atento as novidades.

8 de fev de 2017

Cheff K | Molho Pesto

Olá Realezas,

Vamos encher a barriguinha e preparar este delicioso molho pesto que tenho certeza de que com ele seu frango nunca mais será o mesmo.

Então bora para os ingredientes totalmente selecionados para vocês.

INGREDIENTES:

100 gr de manjericão
2 dente(s) de alho
30 gr de pinolis
30 gr de parmesão ralado(s)
100 ml de azeite extra virgem
10 gr de sal grosso

PREPARO:

Coloque todos os ingredientes no liquidificador pressionando o botão pulse rapidamente ou amassar em um pilão todos os ingredientes, juntando o azeite aos poucos.

Espero que tenham gostado e não esqueçam de seguir nosso blog para ficar a par das novidades.

7 de fev de 2017

Inspiração | A história de Audrey Hepburn

Olá Realezas,

Ha muitos anos surgiu uma mulher que ficou conhecida com ícone de estilo Audrey Hepburn. Ela era a única filha de Joseph Anthony Hepburn-Ruston (um banqueiro britânico-irlandês) e Ella van Heemstra Hepburn-Ruston (uma baronesa holandesa descendente de reis ingleses e franceses). 

Os pais de Audrey se divorciaram quando ela tinha 9 anos. Para manter a jovem afastada das brigas familiares, sua mãe enviou-a para um internato na Inglaterra, onde ela se apaixonou pela dança, aprendendo balé.Em 1939 estouraria a Segunda Guerra Mundial, e a Inglaterra declarou guerra à Alemanha. A mãe de Audrey decidiu então levá-la para viver na Holanda, país neutro que - ela imaginava - não seria invadido pelos alemães. Os protestos de Audrey não foram suficientes: a menina queria continuar na Inglaterra, mas a mãe temia que cidade de Londres fosse bombardeada. Além disso, as viagens estavam escassas, e a baronesa temia ficar muito tempo sem ver a filha.

A situação na Holanda foi bem diferente da planejada. Com a invasão nazista, a vida da família foi tomada por uma série de privações: Audrey teve muitas vezes de comer folhas de tulipa para sobreviver. Envolvida com a Resistência, muitos de seus parentes foram mortos vítimas da guerra. Ela participaria de espetáculos clandestinos de balé para angariar fundos e levaria mensagens secretas em suas sapatilhas. Anos mais tarde recusaria o papel de Anne Frank no cinema.

Com o fim da Guerra, Audrey e sua mãe mudaram-se para a Inglaterra, onde ingressou na prestigiada escola de balé Marie Rambert. Mas sua professora foi categórica: ela era alta demais e não tinha talento suficiente para tornar-se uma bailarina prima. Desiludida, passou a trabalhar como corista e modelo fotográfica para garantir o sustento da família.

Foi neste ponto que decidiu investir em outra área: A atuação. Investindo no teatro, sua estreia foi no documentário Dutch in Seven Lessons, seguido por uma série de pequenos filmes. Em 1952, viajou para a França para a gravação deMontercarlo Baby, e foi vista no saguão do hotel em que estava hospedada com o elenco pela escritora Collette. Naquele momento, Collette trabalhava com a montagem para a Broadway da peça Gigi, cujo papel-título ainda não tinha intérprete. Encantada com Audrey, decidiu que ela seria a sua Gigi.

As críticas para Gigi não foram de todo favoráveis, mas era opinião geral que aquela desconhecida que interpretava o papel principal era destinada ao sucesso.

Pouco tempo após o encontro com Collette, Audrey participou de uma audição para o filme A Princesa e o Plebeu. Encantado com a atriz, o diretor William Wyler escalou-a para viver a Princesa Ann, dividindo a cena com Gregory Peck, que também surpreendeu-se com o talento da companheira.

O sucesso da produção foi também o de Audrey. Hollywood amou-a imediatamente e a agraciou com o Oscar de Melhor Atriz.


Três dias após a cerimônia do Oscar, recebeu o Tony por sua atuação em Ondine.Em 1953 a peça Sabrina Fair de Samuel A. Taylor ainda estava sendo montada na Broadway quando os executivos da Paramount Pictures perceberam que sua história era perfeita para ser utilizada no novo filme da nova estrela do estúdio; a vencedora do último Oscar Audrey Hepburn. Para adaptar o filme para as telas a Paramount convidou o também premiado Billy Wilder, que já havia vencido o Oscar em 1945 por seu ótimo trabalho em Farrapo Humano e que vinha de consecutivos sucessos como Sunset Boulevard,Ace in the Hole, e Stalag 17. Em parceria com o autor da peça Samuel Taylor e com o ótimo roteirista Ernest Lehman, Wilder passou a reescrever Sabrina, o filme que fora o maior sucesso do estúdio em 1954.O filme rendeu a atriz sua segunda indicção ao Oscar.A princípio, para estrelar o romance ao lado de Hepburn, haviam sido convidados Cary Grant e William Holden, no entanto pouco antes do inicio das filmagens Grant se desligou do projeto sendo substituído pelo renomado Humphrey Bogart. Durante as filmagens, se apaixonou por William Holden e começaram a namorar. Sempre tímida, ele foi sua primeira paixão. Após alguns meses, tornaram-se noivos. Audrey temia ser mãe solteira, e pedia a William que apressace o o casamento, pois já estavam noivos e ela poderia engravidar a qualquer momento, mas a jovem decidiu terminar a relação quando William revelou que ainda era legalmente casado, por mais que estivesse separado, e por mais que mantivessem relações, ele não a engravidaria, já que fez uma vasectomia. Audrey ficou desolada. Tinham planos de casar, e seu grande sonho era ser mãe. Ela agradeceu pela honestidade e sinceridade dele, de ter contado toda a verdade antes do possível casamento. Ele a compreendeu e se tornaram amigos.
A peça Ondine fora uma sugestão de Mel Ferrer, por quem se apaixonaria durante a temporada na Broadway. Os dois foram apresentados por Gregory Peck em uma festa em 1954. Com poucos meses juntos, decidiram se casar em setembro daquele ano. O filho de Audrey e Mel, Sean, nasceu em 1960. Pela vontade do casal, teriam um filho logo após o matrimônio, mas Audrey não estava conseguindo engravidar. Após diversos tratamentos, chegou a engravidar quatro vezes, mas em todas as gestações sofreu aborto espontâneo. A atriz queria mais do que tudo ser mãe, e por muitos anos sofreu com depressão e ansiedade. Para animar a esposa, Mel sugeria que ela trabalhasse com entusiasmo para esquecer os problemas, já que a jovem amava o que fazia. O filho do casal nasceu quando os médicos recomendaram que ela parasse de tentar engravidar, pois corria riscos de de novos abortos, onde arriscaria sua própria vida. Em sua última tentativa, conseguiu dar a luz um menino saudável, sua maior conquista. Ela e o marido gravaram juntos Guerra e Paz, e ela estrelaria três comédias-românticas (Cinderela em Paris, Amor na Tarde e A Flor que não morreu), um drama (Uma cruz a beira do abismo, que rendeu-lhe a terceira indicação ao Oscar e afastou qualquer dúvida sobre seu talento) e um faroeste (O passado não perdoa).

Após um ano e meio de licença-maternidade, voltou a Hollywood para estrelar Bonequinha de Luxo, em um papel que a transformaria em um ícone e pelo qual seria lembrada para sempre. Por viver a acompanhante de luxo Holly Golightly ela receberia sua quarta indicação ao Oscar. Pouco tempo depois filmou Infâmia, Charada e Quando Paris alucina.


Em 1963, recebeu o papel principal do musical My fair lady, o da vendedora de flores Eliza Doolittle. Entretanto, a voz de Audrey não foi utilizada durante as canções, sendo dublada. Isso deixou a atriz extremamente aborrecida e fez com que abandonasse as gravações por um dia. Audrey não foi indicada ao Oscar por esse papel - fato que até hoje é considerado uma injustiça - devido à dublagem e também pela não-escolha de Julie Andrews (que interpretara Eliza na Broadway) para o papel. Andrews ganharia o Oscar daquele ano por seu papel em Mary Poppins.

Em seguida gravaria Como roubar um milhão de dólares, Um caminho para dois e Um clarão nas trevas, este último dirigido por seu esposo em uma falha tentativa de salvar seu casamento. Audrey Hepburn e Mel Ferrer se divorciaram em dezembro de 1968. As constantes crises de ciúmes do marido queria que ela deixasse a carreira para cuidar da família a fizeram sentir-se presa e infeliz. Após brigas diárias por ele negar-se a dar a separação, Audrey saiu de casa com o filho. Após processo na justiça, o divórcio saiu poucos meses depois.

Ela decidiu parar de atuar e passou a viajar com as amigas para se distrair. Numa dessas viagens, se apaixonou perdidamente por um um médico, com quem se casaria apenas seis semanas após o divórcio. Ele era o psiquiatra italiano Andrea Dotti, que Audrey conheceu em um iate. Mesmo com poucos mes juntos, decidiram oficializar a união. Sem esperar, Audrey foi pega de surpresa com uma nova gestação, ficando ficando muito apreensiva, mas correra tudo bem. Audrey deu à luz o seu segundo filho, Luca, em 1970. O casal morou por um ano em Roma, para em seguida a atriz ir viver na Suíça com o marido e os dois filhos.

Decidiria voltar a atuar em 1976, estrelando Robin e Marian. Três anos mais tarde retornaria à cena em A herdeira.

Após descobrir uma traição do marido, ficou muito abalada e saiu de casa com os filhos em 1980. Após longo processo na justiça, por ele se negar a dar o divórcio, querer a guarda do filho e formalizar a partilha dos bens, o processo só foi foi concluído em 1982, favorável a Audrey, que ficou com a maior parte da fortuna e com a guarda do filho. A atriz decidiu não mais casar-se. Ia se dedicar a carreira e aos filhos, e só se envolveria com alguém por um compromisso sério de namoro, não matrimônio. Neste período, gravou Muito riso e muito alegria, e no fim das filmagens conheceu Robert Wolders. Tornaram-se namorados e ficaram noivos. Estiveram juntos por nove anos, até a morte de Audrey.

Em 1987 deu início ao seu mais importante trabalho: o de Embaixatriz da UNICEF. Audrey, tendo sido vítima da guerra, sentiu-se em débito com a organização, pois foi o "United Nations Relief and Rehabitation Administration" (que deu origem à UNICEF) que chegou com comida e suprimentos após o término da Segunda Guerra Mundial, salvando sua vida. Ela passaria o ano de 1988 viajando, viagens estas que foram facilitadas por seu domínio de línguas (Audrey falava fluentemente francês, italiano, inglês, neerlandês e espanhol).

Em 1989 faria uma participação especial como um anjo em Além da eternidade. Este seria seu último filme. Audrey passaria seus últimos anos em incansáveis missões pela Unicef, visitando países, dando palestras e promovendo concertos com causas.

Em 1992 foi diagnosticada com câncer de apêndice, que espalhou-se para o cólon intestinal. Iniciou tratamento, mas após pouco mais de um ano, não resistiu e faleceu às 7 horas da noite de 20 de janeiro de 1993, aos 63 anos. Encontra-se sepultada no cemitério de Tolochenaz, Vaud na Suíça.

No ano de 2000 foi lançado o filme The Audrey Hepburn Story, uma homenagem a Audrey que gerou críticas da mídia e de fãs, devido à escolha de Jennifer Love Hewitt para o papel principal.

Tirei sua biografia da Wikipedia para mostrar que ela não era apenas um rostinho bonitinho ela tinha muito a acrescentar para história sendo guerreira e ícone de estilo para muitas mulheres graças ao seu papel como Bonequinha de luxo.

Siga nosso blog e nossas redes sociais para ficar a par das novidades.





6 de fev de 2017

20 dicas pra economizar

Olá Realezas,

Sabe quando você se sente perdido nos supermercados e fica triste porque só vendem pacotes enormes de um determinado produto? E as pessoas que moram sozinhos, isso é um problema sempre, por mais que você saiba que vai estragar, é difícil encontrar outra solução.

Para isto decidir trazer e compartilhar com vocês 20 dicas para salvar seus alimentos e evitar o desperdício. Então bora lá.

1. Cebolas

Use uma meia calça velha para guardar as suas cebolas, separando cada uma por um nó. Fazendo isso, todas ficarão igualmente expostas ao ar fresco, ao invés de amontoadas umas sobre as outras. As cebolas durarão cerca de 8 meses.




2. Batatas, cebolas, e maçãs 

Esses alimentos devem sempre ficar guardados separadamente. Quando armazenados juntos, eles tem sua vida útil reduzida. Um sistema como o da foto, por exemplo, ajuda a conservá-los separadamente, e permite que as batatas fiquem escondidas num lugar escuro, evitando que elas acumulem germes e produzam toxinas.



3. Frutas vermelhas

Ao comprar frutas vermelhas frescas (morangos, etc.) você deve imediatamente colocá-las em um pote com água e vinagre (na proporção de 10:1). Isso matará os micro-organismos e fará as frutas durarem muito mais.



4. Mel


Se você colocar o mel em um pote de vidro bem fechado e o guardar em um local fresco, você ampliará a sua data de validade. Na verdade, este alimento doce é naturalmente um campeão de durabilidade, estando entre as comidas que mais tempo se conservam aptas para consumo.

5. Leite

O leite pode ser congelado antes de seu consumo. Fazendo isso, a versão fresca deste liquido chega a durar até 3 meses. Apesar da consistência ficar um pouco alterada, a qualidade permanece a mesma e o sabor também.



6. Ovos

Ovos também podem ser congelados. Para isso, use uma forma de gelo, quebre um ovo em cada cubinho e adicione um pouco de sal ou açúcar (isso evita que as gemas e claras fiquem granuladas).



7. Molho de tomate

O resto de uma lata de molho de tomate não tem que ser jogada fora. Ao invés de desperdiçar comida, coloque o molho restante em um saquinho de plástico de congelar e coloque no freezer. Após 1 hora, o conteúdo já estará quase sólido, mas ainda maleável. Este é o momento perfeito para separar o molho em pequenas porções, usando a parte de trás de uma faca. Seguindo esta dica, você facilitará o uso posterior.



8. Ervas

Congele suas ervas frescas colocando-as em um tabuleiro junto com um pouco de azeite, e depois cortando a mistura já sólida em cubinhos. Estes quadradinhos saborosos durarão muito tempo!



9. Bananas

Cobrindo a ponta do cabo das bananas com um pouco de papel filme, elas amadurecerão mais lentamente.




10. Aipo, brócolis, e alface

Estes vegetais irão durar muito mais tempo - além de permanecer crocantes - se armazenados na geladeira embrulhados em papel alumínio.



11. Legumes

Legumes devem ser congelados após terem passado por uma rápida fervura. Para isso, ferva a água e deixe os vegetais imersos nela por cerca de 1 a 2 minutos. Em seguida, transfira-os para uma panela com água fria, para parar o cozimento. Depois é só secá-los um pouco, colocá-los num pote ou saco, e congelar.
12. Alface

As folhas de alface durarão mais tempo se forem enroladas em papel toalha. Desta maneira, a umidade adicional será absorvida pelo papel, protegendo o alimento.




13. Maçãs


Maçãs são frutas que tem naturalmente uma longa durabilidade. Na geladeira, elas resistem até 6 meses. A dica aqui é lembrar de separar as maçãs podres das boas. Se uma estiver ruim, ela contaminará e estragará as outras.

14. Cenouras

Cenouras durarão uma infinidade se forem guardadas numa caixa cheia de areia e alojadas num local escuro.




15. Carne Moída


A carne moída pode ser congelada da mesma maneira que o molho de tomate, mostrado na dica 7.

16. Queijos vendidos em potes de plástico


Guarde-os de cabeça para baixo, e eles terão seu prazo de validade dobrado!




17. Vidro ao invés de plástico

Evite o uso de vasilhas de plástico. Se você guardar seus alimentos em potes de vidro, eles durarão muito mais.


18. Abacaxi

Remova a coroa do abacaxi e coloque-o de cabeça para baixo. Ele se manterá suculento por mais tempo.


19. Cebolinha

Guarde as suas cebolinhas em um pote com um pouco de água. Isso fará com que elas permaneçam frescas e crocantes. Você também pode plantar os bulbos e ter cebolinhas sempre disponíveis em casa.

20. Bolo

Aquele bolo apetitoso do fim de semana vai durar muito mais se você cobrir as partes já cortadas com fatias de pão de forma. Elas removerão a umidade do ar, além de prevenir que o bolo fique seco no lugar do corte.

Com estas dicas não teremos mais desperdício, compartilhe nas redes sociais  e siga nosso blog.
© Olá Realezas - 2017 | Todos os direitos reservados.
Olá Realezas: www.facebook.com/olarealezas.
Tecnologia do Blogger.